lula

Brasil contará com 354 escolas técnicas até 2010

Share

lula

A informação foi divulgada pelo presidente Lula durante abertura do Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, em Brasília. Estima-se que 15 mil pessoas circulem pelo evento, que vai até o próximo dia 27.

Com malabarismo, luzes e dança, o grupo de teatro Tholl abriu o Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica no ginásio Nilson Nelson, na capital federal. O presidente Lula discursou para uma platéia animada e destacou que nos sete anos de sua gestão foram inauguradas 96 escolas técnicas e 38 institutos federais, e que até o final do mandato, 214 novas unidades terão sido inauguradas. A rede contará então com 354 escolas.

O presidente ressaltou ainda que ele foi o governante que mais abriu instituições de educação dessa natureza. Em seus dois mandatos foram criadas mais escolas técnicas do que em toda a história da educação profissional no Brasil.

plateia_arquibaEstima-se que 15 mil pessoas circulem pelo evento, até o dia 27, no ginásio Nilson Nelson. Foto: Gastão Guedes/Ciranda.net.

“Ninguém segura este país, a não ser aqueles que querem dirigí-lo fechando as portas para a criatividade do nosso povo”, discursou.

Para o Secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Eliezer Pacheco, também presente na cerimônia, a formação técnica não pode ser descolada dos conteúdos da chamada formação propedêutica.

“Educação técnica não é formação de mão-de-obra para o capital. O jovem pode ser mecânico, como também pode ser filósofo ou poeta”, exemplificou.

Em coletiva de imprensa na parte da tarde, o secretário destacou ainda que a rede federal de educação tecnológica brasileira é de excelência, mesmo se comparada a países da América do Norte e da Europa.

“Isso é uma prova de que a educação não precisa ser privada para ser de qualidade”, afirmou.

Arte e Cultura no Fórum

Centenas de atividades serão realizadas durante os cinco dias do Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica. O evento faz parte das atividades propostas pelo Fórum Mundial de Educação.

Os participantes que imaginam que só conhecerão experiências nas áreas técnicas mais tradicionais, como mecânica ou metalurgia, está enganado. A própria cerimônia de abertura deu o tom do Fórum.

bale_bolshoy

Apresentação do bailarino da escola de Teatro Bolshoi do Brasil. Foto: Gastão Guedes/Ciranda.net.

Depois do espetáculo circense do grupo de teatro Tholl, foi a vez da escola de Teatro Bolshoi do Brasil se apresentar. O grupo encerrou as atividades do dia 23 com apresentações de ballet clássico e dança contemporânea.

Durante todo o dia foi possível presenciar em espaços diferentes do Centro de Convenções Ulysses Guimarães, que reúne a maior parte das atividades do Fórum, apresentações de música e dança protagonizadas por estudantes e professores das escolas técnicas.

O Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica reúne participantes de 15 países.

Share

4 comentários em “Brasil contará com 354 escolas técnicas até 2010

  1. E muito bom isso. Criar escolas tecnicas e IF’s. E as universidades? Onde estão? Esse governo só se importa em preparar os estudades para as grandes empresas. Mas fazerem eles pensarem, nada. Fazer eles a terem opniões criticas, nada. Importa na qualificação profissional. E na formação de professores? Nada. O MEC faz uma propaganda falando que o professor é essencial na sociedade´e cadê as universidades que irão formar esses professores. Esse governo Lula estátão neoliberal quanto o governo FHC. Se não estiver mais.

    Vinícius Cardoso
    Estudante de História da UFPI.

  2. Este governo está promovendo uma revolução na educação brasileira, basta ver quantas universidades e escolas técnicas estão sendo construídas. O brasil aumentou sua participação em produção científica e está investindo em tecnologia e em internet banda larga.

  3. ”Este governo está promovendo uma revolução na educação brasileira”

    Evoluçao, nao revoluçao, teriamos revoluçao se homens como Paulo Freire estivessem na esfera politica.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>